Quem sou eu

Minha foto
Piracicaba, SP, Brazil
Sou casada, tenho um filho, amo viver, adoro trabalhos manuais, música, filmes, antiguidades etc.

segunda-feira, 9 de dezembro de 2013

Bolsa da Carol






A bolsa mais nova que fiz! E fiz especialmente para uma pessoa que trabalha com meu marido.
Seu nome é Carol e não a conheço pessoalmente, mas ouço falar de sua competência, de seu raciocínio rápido, de sua presteza.
E é uma funcionária pública como eu, embora trabalhemos em prefeituras de cidades diferentes.
Há, aqui no Brasil, uma espécie de senso comum em se dizer coisas não muito positivas acerca de nós, os funcionários públicos.
São comentário bem generalizados, onde se difunde a ideia de que somos folgados, temos muuuitos privilégios e poucos afazeres.
Confesso que esse tipo de pensamento me irrita e me revolta, assim como as pessoas que se comportam dessa forma, fazendo jus aos falatórios mais desfavoráveis.
A maioria dos funcionários que conheço, são esforçados e trabalhadores. Como tudo na vida e nas pessoas, existem os bons e os maus. Numa loja, onde os vendedores ganham por comissão, ou seja, seu salário depende das vendas que conseguir fazer, somos sempre bem atendidos? Nãããão. Então!
Por essas e outras razões, vamos valorizar o serviço bem feito e bom atendimento, venha de onde ele vier. 

21 comentários:

M de Maria Ateliê disse...

Oi Rebeca,
Hoje em dia, como disse, bons e maus em todos as profissões.
Nenhuma escapa de comentários, em virtude de tanta coisa errada que vemos acontecer em todos os setores.

Tenho certeza de que ela vai adorar, porque ficou mais uma bolsa linda, super alegre.

Que portas! rs

Também adorei a malinha, quando vi, lembrei de mim rs
Fiquei curiosa, envia sim.
bjs
Ótima semana!

trapos a voar disse...

Rebeca, aqui em Portugal acontece o mesmo. E não é só com funcionários públicos. No geral profissões que lidem com o público são muito incompreendidas. As pessoas querem ver os seus problemas resolvidos na hora, e à miníma contrariedade a culpa é de quem os atendeu. E criticam fácilmente, mas não sabem elogiar um bom atendimento, porque acham que esse é obrigação. É de facto muito injusto! A bolsa ficou linda! E é um gesto solidário muito bonito!

Agulhas, Colheres e Afins disse...

Linda bolsa, a combinação de cores ficou perfeita! Concordo com a Maria, há bons e maus profissionais em todos os setores!
Bjs

Mercè Patchwork disse...

Bonita bolsa, me gusta mucho.
Besos

Regina Saraiva disse...

Olá Rebeca,

Adorei a bolsa, será que estou repetindo? Além do modelo ser lindo é laranja!
Concordo em tudo que falou, imagine aqui em Brasília onde o número de servidor público é grande. Generalizar é algo que me irrita profundamente. Muitos querem que os serviços funcionem para sua comodidade e quando isso não ocorre reclamam e se sentem discriminados!
Beijos

KARINE MARIANO disse...

Oi Rebeca!!!!!!!!!
bom dia!!!!
Que lindeza.... to chocada.... que lugar lindo!!!!
Suas fotos são sempre emocionantes, trazem emoção...
Parabéns pelo belíssimo trabalho, amei a bolsa.
bjssssssss Lindo dia para ti!!

Pri disse...

A bolsa ficou linda.
Parabéns. Um dia chego lá!
E aqui na Alemanha dizem o mesmo, mas aqui é uma outra cultura. Tenho a sensação de que aqui são mais rápidos mas estou numa cidade minúscula e vim de SP.
Nem dá pra comparar.
Beijo, Rebeca.

Criando Artes Carla disse...

Oi Rebeca, que bolsa mais linda essa!
Amei e com certeza a Carol vai amar tb.
Beijos

Marly disse...

Oi, Rebeca,

Pode abandonar o emprego público e ir se dedicar (e ganhar fama e fortuna) à produção de bolsas, pois esta já "diz" que o negócio teria muito futuro, rsrs. Brincadeiras, à parte (mas eu não estava brincando não!) achei esta bolsa lindinha, parabéns pelo belo trabalho!

Um beijo e ótima semana!

Val disse...

Olá Rebeca, já estava com saudades das suas bolsas e dos seus cenários! Esta ficou com cores bem verão, que sorte a da Carol! tenho certeza que vai fazer sucesso entre as colegas!
Li alguém dizendo aí em cima, e é assim mesmo: existe algum país onde não falem mau dos funcionários públicos??? Como o nome indica, funcionário público, lida com o público, e há sempre público e público, além de (como vc disse e muito bem) funcionários e funcionários !
Um grande bj e uma excelente semana! Val.

Claudia disse...

Oi, Rê! Muito linda sua bolsa, ou melhor da Carol, rs. Será que você é como eu, faz pra todo mundo, mas não tem uma pra si? Se for temos duas coisas em comum, pois também sou funcionária pública e também já ouvi esse tipo de comentário maldoso. Em todos os lugares e em todas as profissões haverá pessoas "boas" e "más", por isso também sigo tranquila, pois sei que desempenho bem meu trabalho, não porque sou funcionária pública, mas especialmente porque amo o que faço. O que tá faltando em algumas pessoas é mais amor e o que sobra, às vezes, é muita inveja isso sim. Beijos e parabéns pela bolsa, ficou linda! Clau.

Simone pinturas e crochês disse...

Oi Rebeca querida!
Bela bolsa,tenho certeza que a Carol,vai amar...
Sobre o que disse, concordo plenamente, pois em todos os lugares, existem pessoas boas, prestativas e já do ladinho dela, possa existir pessoas de má índole, as vezes estragando a imagem de todas as pessoas que a cercam acho isso injusto, mas funciona assim mesmo,faz parte...
Um beijo no seu coração!

filosofiabotequim disse...

Aqui em Portugal também se fala muito dos maus funcionários públicos. Nos portugueses esquecemos é que eles, estão a trabalhar o dobro do que é normal pelos despedimentos que houve na função publica. Com a crise o governo decidiu cortar nos postos de trabalho em vez de cortar no despesismo do estado. Ou seja mais trabalho, menos funcionários é igual a longas horas de espera e muito desespero. É claro que eu como utente já fui mal atendida mas isso é algo transversal a qualquer actividade que funcione com o publico.Mas na grande generalidade sou sempre bem atendida e são sempre muito prestáveis, mesmo com a actual situação que estão a passar. A mala é linda e de certeza que fará a sua colega sorrir. ;)

Cheiro de Vanilla disse...

Linda bolsa, e parabens ao seu trabalho,bjs...

Marly disse...

Oi, Rebeca,

Respondendo à sua pergunta: o ideal é tirar o bolo da forma, no dia em que foi feito, depois de frio. Os bolos em geral tendem a grudar um pouco no fundo da forma, depois de algumas horas de assado. Para evitar isso muitas vezes eu forro o fundo da forma com um círculo de papel manteiga, que também unto.

Beijoca!

a andorinha disse...

Olá Rebeca! Um cenário bem simpático a condizer com a bolsa da Carol! Tal como em todas as profissões já encontrei gente boa e gente menos boa a trabalhar no Estado! Acho que isso é mais uma daquelas coisas que as pessoas se habituaram a dizer por preconceito. É pena! Bj

Marcia Ruiz disse...

Olá Rebeca!
Que bolsa encantadora, adorei as cores e o formato. As fotos muito belas, que porta!!! (Meu marido nem pode ver, rs)
Fui funcionária pública, ainda professora, durante 32 anos, e sempre escutei isso. Mas com amor, responsabilidade e compromisso fiz meu trabalho e não dava trela para os comentários ( quando escutava ).
Bjs

Mirian Trédicci disse...

Oi Rebeca,
Linda bolsa! as cores estão super em alta, o modelo ficou bem bacana!
Na minha família tem muita gente que é funcionário público, e todos são trabalhadores e dedicados. Em toda profissão tem os dois lados.
Um beijo

nana lova disse...

Ola querida... nossa que legal estamos bem pertinho uma da outra,sou de Rio Claro,sp... tenho um blog amo escrever fiz tratamentos pra engravidar que ainda não deram certos... dai resolvi mudar um pouco o rumo,amo tricotar e fazer novas amizades...seu blog é lindinho... bjinhos com carinho...se quiser me visitar fik a vontade..bjus

Judy disse...

Linda a bolsa, adoro laranja!

Uma campanha maciça da grande imprensa em denegrir e macular o funcionalismo público ajuda a arraigar este preconceito.
Funcionário merece e deve ser respeitado, conheço muitos funcionários públicos que suam a camisa e são exemplos de honestidade e competência.
beijo,

Carol Santis disse...

Oi Rebeca!
Eu adorei a bolsa, é linda, feita com muito capricho!
Concordo com você, existe um pensamento generalizado com relação ao funcionário público que não é verdadeiro. Faço meu trabalho com amor e dedicação, agradeço o presente e as palavras!
Grande abraço, espero conhece-la pessoalmente.

Eu recomendo

Eu recomendo

costureiras de Tarsila

costureiras de Tarsila

Obrigada pela visita! Volte sempre!

Gentileza Gera Gentileza