Quem sou eu

Minha foto
Piracicaba, SP, Brazil
Sou casada, tenho um filho, amo viver, adoro trabalhos manuais, música, filmes, antiguidades etc.

segunda-feira, 30 de julho de 2012

Linha e agulha


(imagem da net)


Armada de linha e agulha
tento costurar as pontas de
tudo o que já vivi.
Alfineto os maus pensamentos,
espetando e jogando prá bem longe o desânimo.
Esboço no meu caderno de projetos
uma colcha de retalhos emendando os sorrisos,
as brincadeiras e os dias de sol.
Estofo uma almofada com nuvens perfumadas
de bons sonhos.
Cirzo com ponto bem apertado seu corpo no meu.
E, por baixo das cobertas,
alinhavamos juras e pés quentes,
meias e suor, beijos e sono...

3 comentários:

Geórgia Moriconi disse...

Ah! Rebeca...
Só posso e dizer uma coisa...
Tens muitos dons
costurar e poesias
são uns deles.
amei. beijos

Simone Carvalho disse...

Oi Rebeca,
amei o texto, lindo!!!
Beijos com remendos de carinho pra vc!!!!
Simone

CARRETEL E AGULHA disse...

Oi.
Rebeca.
Eata poesia de pensar muito na vida.
Estou tentando fazer isto sempre, pois às vezes o desânimo aparece. Sabe, como é. Juntando o inverno, chuva e dias nublados. Fico mesmo asssim... Ainda bem que a costura, meu marido, minha família e o meu blog, consigo distrair bastante.
Embora que a vida é uma rotina, e temos que rebolar bastante para deixar cada dia, mais inspirador.
Beijos...
Mariane

Eu recomendo

Eu recomendo

costureiras de Tarsila

costureiras de Tarsila

Obrigada pela visita! Volte sempre!

Gentileza Gera Gentileza